Hello meninas, tudo bem ?
No post de hoje vou mudar um pouco do assunto sobre moda e irei falar de beleza, mais especificamente: sobrancelhas. Há alguns meses comecei a usar óleo de rícino para ajudar no crescimento das minhas sobrancelhas que são muito falhadas.

Perdi muitos pelos em uma época difícil da minha vida e desde então eles não cresceram mais. Foi por conta de ansiedade, nervosismo e estresse. Quando eu era pequena minha sobrancelha era enooorrrmeeee kkkk e eu odiava. Aí entrou na moda as sobrancelhas finas e passei a tirar os pelos. Depois que saiu da moda deixei ela crescer de novo e ela voltou a ficar mais cheia, mas por conta dos problemas que tive os pelos foram caindo. Não sei se os pelos não crescem por falta de alguma vitamina ou proteína do corpo, isso tudo preciso averiguar em uma dermatologista.

Em 17 de novembro de 2017, fechei uma parceria com um salão de beleza para cuidar das minhas sobrancelhas. A Jordana dona do SALÃO ESPELHO ESPELHO MEU, viu o quanto estava crítica a minha situação kkkkkk aí ela indicou o óleo de rícino. Comprei e comecei a usar no mesmo dia. No início não notei crescimento não, mas depois fui percebendo que os pelos estavam nascendo aos pouquinhos e isso me deixou muito feliz. É um tratamento a longo prazo que exige disciplina, mas que no final resolve.

Você deve passar todos os dias meia hora antes de dormir usando um cotonete. Ao acordar você lava e pode passar make de correção nas sobrancelhas de novo.
O preço do óleo é cerca de R$ 5,00, bem barato , dá pra todo mundo comprar. Confesso que no último mês eu não usei todos os dias porque esqueci, mas continuo usando sempre.

Vou postar uma Foto de como estava minha sobrancelha antes (quando fui ao salão pela primeira vez) e depois (hoje).
Como vocês podem ver, na foto de antes a sobrancelha estava bem rala, hoje ela está um pouco mais preenchida , mas ainda conta com muitas falhas. Do lado esquerdo tem uma parte que não quer crescer nem a pau kkkk, mas tenho fé que uma hora vai ahahahaha. Do lado direito ela cresceu bem mais, só que ainda falta muito ahahaha, porém para quem estava em um estado péssimo, já melhorou bastante.


La no Salão espelho espelho meu, tiro as sobrancelhas com a Jordana @jordanabrazmakeup e cuido dos cabelos com a Thayna @thaynasoareshair . Ambas são ótimas e extremamente competentes no que fazem. A Thayna faz hidratação e escova no meu cabelo, inclusive depois que comecei a ir lá meu cabelo virou outro. Está sempre brilhoso e macio , graças à massagem que ela faz e aos produtos que ela usa.
Quanto as sobrancelhas, a Jordana tem o maior cuidado com elas, o design que ela faz é incrivelmente bom, tanto que ela tem clientes de anos que não trocam ela por nada.

Olhem as fotos de todas as vezes que fui lá, cada dia foi melhorando mais o estado da sobrancelha e modelando o rosto. Um design é um design né mores.


É isso meninas, espero que tenham gostado. Usem e me contem o que acharam ! Inclusive varias seguidoras minhas já me falaram que usaram e amaram o resultado.

Beijos, beijos.

Hello meninas, tudo bem? Hoje vou mostrar para vocês várias ideias de customização, reciclagem e reaproveitamento de jeans.

Você já parou para pensar qual o destino das roupas que você não usa mais? Algumas são doadas, mas depois de muito velhas são descartadas e isso gera um enorme impacto ambiental. A industria da moda é a segunda industria que mais polui o planeta, você sabia? perde só para o petróleo. Pois bem, hoje em dia o consumismo está desacelerando e é preciso ter em mente algumas coisas como: de onde vem as peças que compro, quem fez, para onde vai após o término de sua vida útil.

Uma coisa legal que surgiu nos últimos temos é o DIY (do it yourself – faça você mesmo), onde você faz coisas e recicla coisas. Reciclar é mais legal que fazer, pois você dá um destino diferente à algo que iria para o lixo. No post de hoje irei dar várias dicas de como reciclar o jeans, que é a peça que mais temos no guarda-roupa e consequentemente a peça que gera mais resíduos poluidores no planeta terra.

O jeans com certeza é o material que mais gera lixo, pois sempre estamos comprando novos e jogando fora os velhos. Ao percebermos isto, podemos ver a importância de dar preferência à materiais de qualidade, que consequentemente serão duráveis.

As dicas que dou na hora de escolher um jeans é:

  • Evite tecidos finos, eles vão facilmente desbotar ou rasgar.
  • Evite calças com vários botões, é o cúmulo da breguice, fica muito feio. Um já é suficiente.
  • Evite jeans com detalhes nos bolsos, como brilhos, lantejoulas, etc.
  • Cintura baixa só em caso de jeans boyfriend, fora isso fica horrível e desvaloriza totalmente o corpo.
  • Quanto mais básico for, melhor, pois você não vai enjoar, poderá usar por muito tempo, nunca estará fora de moda e quando quiser poderá customizar.

Se você tem várias peças que não usa mais, o legal é ir desmembrando e no final montando uma peça nova super estilosa. Se você sabe costurar, ótimo, mas se não sabe, é só levar em uma boa costureira para juntar as peças pra você. Peças assim estão super em alta, ainda mais agora que finalmente as pessoas estão começando a enxergar o consumo consciente e o minimalismos como estilos de vida.

Saias jeans, jaquetas over size, calça boyfriend vintage, estão super na moda hoje em dia, sendo que já estiveram na moda há alguns anos atrás, mas voltaram com tudo agora. Posso dizer que são minhas peças preferidas, uso muito e na hora de comprar vou pelos parâmetros que descrevi para vocês.

É isso meninas, espero que tenham gostado e quem for seguir as dicas ou customizar seu jeans, posta uma foto no insta e me marca: @leonorcorreablog .

Beijos, Beijos.

Hello meninas, como estão ? Hoje vou dar dicas ótimas de como usar look total black.
Não sei se já perceberam, mas eu amo usar preto, é definitivamente minha cor preferida para roupas. Gosto de combinar peças pretas com peças de outras cores básicas, como Branco, cinza, nude, jeans, etc. Mas da pra usar um look todo preto sem ser over ? CRAROOOO HEHHEEH
Looks monocromáticos são super estilosos , principalmente looks all black. Quem aí gosta de um estilo mais street style e descolado ? Pois bem, looks all black são assim.
Dicas :
* look preto em todos os detalhes
* look preto com detalhes de outras cores, ou seja, com algum ponto de luz na bolsa, sapato, acessorios, cinto, lenço, etc.
* coloque um tênis, vai ficar top !
* combina muito bem com cintos pretos hehehe.
* fica lindo com botas de cano curto ou longo.
* sobreposições são ótimas, mas se estiver muito quente, invista em uma brusinha cavada, uma t-shirt ou outra peça mais fresquinha.
A pergunta que não quer calar: Da pra usar all black no verão?
Simmmm, aliás, você pode usar o que quiser a hora que quiser, contanto que se sinta linda. Eu uso all black sempre, tô nem aí, afinal combina comigo e com meu estilo.
Minha combinação total black preferida é com calças, pois alonga o corpo e você fica parecendo mais alta e magra.
Quer uma combinação totalmente nova? Um look cool usando calça alfaiataria. Simmm, uma calça social mesmo ! É só colocar uma t-shirt ou uma blusinha bem descolada pra combinar e quebrar o formalismo da calça. Cabe um tênis também no look e uns acessorios (aqui da loja, claro ! )
Bem, se você quer ser estilosa tem que ousar para se destacar, e um look total black é mega ousado. Por mais que pareça básico, se você usar as peças certas, vai ficar incrível. Ah, o básico é o novo preto ! Invista no básico sempre viu, pois as peças irão lhe proporcionar diversas combinações, você não vai enjoar e se tornará uma pessoa mais consciente no consumo.
Acho que a roupa fala muito de nós, de nossa personalidade, é uma forma de expressão universal. Não podemos esquecer que a moda é importante para a nossa auto estima, amor próprio, liberdade de expressão, etc. Estamos na era do ser e não do ter, e acho que a moda nos ajuda muito no conhecimento de si mesma e na aceitação própria. O consumo desenfreado passou e foi tarde, ele nos aniquila e nos da a falsa imagem de que objetos são a nossa felicidade. Portanto, use o que tem, se precisar comprar, compre de pessoas que fabricam, que cobrem preços justos, usem materiais bons e que você conheça,  da sua cidade ,por exemplo ou da internet. Invista em peças atemporais de marcas conscientes e justas. Invista também em acessórios, eles transformam os looks.
É isso meninas, espero que tenha gostado. Até o próximo post, fiquem com Deus.
Beijos, beijos.

Olá meninas, tudo bem? No post de hoje temos: 2 looks usando 2 achados por menos de R$ 20,00.

Desde pequena gosto de percorrer lojas em busca de peças desejos que custem bem baratinho, isso porque era como eu me virava para vestir bem, afinal eu não tinha dinheiro. Sempre trabalhei, mas como sabem, nesse Brasil o dinheiro não sobra para nada. Então o dia que sobrava um pouquinho eu comprava alguma coisa na promoção e todo mundo ficava chocado em como eu achei aquela peça.

Pois bem, esse ano de 2017 foi mais difícil, tanto na questão financeira quanto na emocional, foram provas atrás de provas. Devo ter comprado (na promoção, claro), apenas umas 5 peças, contanto com brechós em. Foi o ano da abertura da minha loja, eu sabia que não seria fácil, ainda mais na situação em que o Brasil se encontra, mas escolhi ser feliz e seguir em frente. Nos primeiros meses do ano, até o meio eu estava rachando de vender, então eu tirava o dinheiro de pagar as contas e o resto guardava para investir futuramente na marca de roupas. Depois disso o movimento ficou um pouco mais fraco, mas graças a Deus consigo me bancar numa boa. Bem, esse ano escolhi gastar meu dinheiro com coisas maiores, como o curso de inglês, yoga, pilates, etc. E claro, não iria mesmo sobrar dinheiro para roupas kkkk.

E sabe que isso foi bom? Pude ver o tanto de roupa legal que já tenho e aprimorei meu estilo. Eu arrumei formas de repetir as roupas, mas de formas diferentes.

Em minha viagem para Barcelona em Dezembro de 2016, comprei muitaaaaa roupa, porque lá é muito barato (essa minha concepção mudou, e se eu fosse para lá hoje, não faria o mesmo). Então usei essas roupas durante o ano todo e algumas de anos anteriores. O segredo é que na hora de comprar qualquer peça, eu escolho pelas básicas e atemporais. Assim, consigo combinar as peças que comprei com as que já tenho, formando lindos looks. Peças mais básicas, sejam em suas modelagens, cores e estilo, possibilitam que eu as usem o ano inteiro sem enjoar e posso combiná-las com qualquer roupa que já tenho. Claro que, de vez enquanto me rendo à algumas tendências que são a minha cara porque eu não sou de ferro né ahahahaha.

Look 1:

No primeiro look usei uma calça destroyed , que foi um achadoooo na sessão de adolescente da riachuelo. Paguei apenas R$ 19,90 , acredite se quiser. Ela estava esse preço, pois já estava um pouco mais rasgada que o normal kkkk, mas eu gostei mesmo assim. Não gosto de incentivar vocês a comprarem produtos nesse preço em grandes ou pequenas lojas, pois esse valor não paga nem o material, quiça a mão de obra, no entanto, um produto assim iria para o lixo se não fosse vendido. Eu no momento só posso comprar coisas nesses valores, e acredito que grande parte da sociedade brasileira também, então procurar promoções é uma boa forma de gastar bem o pouco que ganhamos e nos sentirmos estilosas e lindas.

No look usei um boddy preto, a bolsinha de sempre e a sapatilha de sempre ahahahahaha porque comprar peças básicas é o que há. De acessórios, usei uma choker e pulseiras aqui da loja (link choker) (link pulseira).

Look 2:

Uma boa opção de ficar na moda e reaproveitar roupas, é se utilizando de compras em brechós. Procure sempre por peças versáteis que poderão ser combinadas com o que você tem em casa e irão durar muito. Essa jardineira comprei no brechó do projeto cantinho, paguei R$ 5,00. O legal desse brechó é que toda a renda é revestida para o projeto cantinho, que é voltado para a caridade.

Combinei a jardineira com uma t-shirt bem cool que comprei na renner ano passado. Nos pés, a mesma sapatilha do look anterior, porque recombinar é vida ! Não é preciso muito dinheiro e nem muitas coisas para estar na moda e ser estilosa, basta querer. A era do ter já passou, de nada adianta ter um guarda-roupa cheio de roupas, não saber o que vestir e querer sempre mais. Consumo desenfreado não é sinônimo de prosperidade e muito menos estilo.

Como podem ver, gosto de cores básicas, como o preto e o branco. São cores fáceis de usar no dia-a-dia, que possibilitam diversas combinações e duram muito, pois jamais vamos enjoar.

É isso meninas, espero que tenham gostado do post. Deixem comentários abaixo que eu irei responder !

Beijos, Beijos.

Olá meninas, tudo bem? Hoje irei mostrar como edito as fotos do meu instagram .Ultimamente venho recebendo muitos elogios sobre o meu feed do instagram, as pessoas sempre perguntam como eu faço para deixá-lo bem bonitinho daquele jeito, os efeitos que uso, as bordinhas, etc. A estética do seu insta, seu estilo de fotos vai dizer muito sobre você, então capriche !

Abaixo, gravei um vídeo mostrando como edito as minhas fotos, confiram e deixem um like se gostarem:

Em meu antigo blog, o Como ser diva (http://www.comoserdiva.com/2016/04/10-dicas-para-ter-um-feed-lindo-e.html) , postei dicas de como ter um feed lindo, então vou falar sobre essas dicas aqui também.

1- Escolha seu estilo de fotos:
Eu gosto mais de fotos claras e minimalistas, mas tem gente que ama deixar o instagram todo colorido, eu acho lindo também. Eu sigo mais a onda do preto e branco, acho chique. Tem também aqueles que em que a paleta de cores é baseada em tons pastéis. Então escolha seu estilo de foto para você seguir ele sempre.
2- Tenha fotos simples/com pouca informação:
Depois que você postou uma foto com bastante informação, como uma foto de look, deixe que a próxima foto seja simples, ou seja, sem muita informação. As meninas do Tudo Orna (@tudoorna) chamam essas fotos de fotos de respiro, pois elas vão deixando seu instagram mais organizado e clean para que quando uma pessoa entre nele, não veja uma bagunça de fotos, que apesar de serem lindas, não chamam atenção pelo fato de estarem muito misturadas. As fotos mais simples, com um fundo branco, por exemplo, não deixam que o leitor perca a atenção nas fotos principais, são como um colírio para os olhos, pois elas evitam que seu grid fique poluido. Você pode tirar uma foto de um objeto que você goste, de flores, de um detalhe do look, de uma comida, segurando algo em uma parede branca, de uma paisagem , enfim, de algo legal
3- Evite postar milhares de selfies:
Ninguém merece insta só com selfies, é como se a pessoa se achasse tão linda que não consegue parar para observar outras coisas do mundo, senão a si mesma. Além do mais, essas fotos não são interessantes, não trazem informações. Não estou dizendo que você não pode postar, você deve postar, mas evite postar uma seguida da outra para não ficar chato. As selfies, se postadas de maneira correta deixam o instagram lindo. Uma dica que sempre uso é, postar sempre depois de uma foto de respiro. Gosto de postar uma foto de selfie, depois uma de respiro, depois uma de look.
4- Preste atenção na sua terceira foto antes de publicar a próxima:
É que quando você publicar uma foto, a terceira foto de antes vai sempre ficar em baixo da nova foto que foi publicada, isso diz muito de como vai ficar o visual do seu insta. Porque do mesmo jeito que a foto do lado não pode ter muita informação, a foto de baixo também não pode ter. Diante disso, pelas primeiras 3 fotos postadas, você terá que fazer com que as próximas 3 combinem com as 3 anteriores.
5- Use a  criatividade na hora de tirar as fotos:
Deixe de preguiça e vá fazer uma foto bonita e inspiradora. Seja criativa, escolha temas legais, fotografe algo que goste, algo do seu dia, um detalhe que seja, mas use a sua criatividade, procure sempre o melhor ângulo e mão na massa. Não dá para ter um insta legal sem ter trabalho.
6- Escolha um efeito para usar SEMPRE:
Sim, para manter o estilo e o padrão no seu insta, você deve escolher apensas um efeito e usar o mesmo em todas as fotos. Eu escolhi usar sempre o A5 no VSCO, dependendo da foto eu vou só regulando o nível do efeito. Evite usar efeitos diferentes, pois assim o seu insta vei ter aspecto de bagunçado.
7- Preste atenção nos detalhes:
Se você postou uma foto com um detalhe rosa, fica legal postar a próxima foto com algo rosa também, assim você vai montando vários feeds de  fotos, pois as 12 fotos compõem o layout principal do seu feed, aquele que o leitor primeiro vê ao entrar no seu insta. Ai depois você pode ir mudando as cores do layout inicial e ir fazendo vários layouts de 12 fotos com tons diferentes. O importante é que as cores combinem, que fiquem harmônicas. No caso de um look com detalhes de onça, mas tem o jeans azul da calça, escolha postar depois uma foto com algum detalhe em azul em um fundo simples. Não tem erro quando você escolhe uma paleta de cores fixa, mas se você tiver dificuldade com cores chamativas, escolha uma paleta de cores neutras, fica bem mais fácil.
8- Biografia e foto do perfil:
Isso também vai definir muito sobre o estilo do seu insta. Evite bios exageradas, com pencas de emojis, frases enormes e aquele tanto de informação desnecessária. Coloque o básico, deixe mais clean, pois fica mais elegante. Quanto a foto, escolha uma legal, que combine com seu feed e de preferência que dê bem para ver seu rosto.
9- Tenha alguns instagrams e fotos de inspiração salvos no seu telefone:
Não quer dizer que você vai copiar, você vai se inspirar e dar o seu toque pessoal, colocar as sua identidade na foto. Salve fotos que você achou legal, que são criativas e que chamaram a sua atenção, em uma pasta específica do seu telefone, para que quando você estiver sem ideia, você vai lá, vê uma foto bonita e tenta reproduzi-la. Uma foto muito reproduzida é aquela foto da kendall Jenner deitada no chão com o cabelo formando vários corações, e também fotos de objetos que as blogueiras famosas postam, como foto tomando o café da manhã, segurando o telefone, mexendo no computador, ou quando fazem uma combinação de vários objetos que gostam na mesma foto.
Se você ainda estiver com dificuldades, tem alguns instagrams que dão dicas edição de fotos, é bem legal na hora de padronizá-las, ajuda bastante quando você está sem ideia. Indico o @vscoxgram .
É isso meninas, espero que tenham gostado.
Beijos, Beijos

Olá divas, tudo bem? O post de hoje é para falar tudo sobre um dos looks que usei nas fotos aqui do site, que é um look com calça e bota de cano curto. Escolhi looks bem estilosos para que as fotos ficassem bem lindas. O que irei mostrar hoje é o meu estilo de look preferido, que combina realmente com a minha personalidade.

Adoro vestir roupas descoladas que me façam sentir diferente. Nesse look usei uma blusa branca básica, por cima uma camiseta de couro fake, o que deixou o visual incrível. Essa tendência volto no ano passado e acho que pelo menos para mim ela vai ficar kkkkkk (porque sou dessas, se gosto de uma tendência, uso ela pra sempre). A sobreposição com blusa de alcinha é super fácil de fazer, afinal são combinadas duas peças básicas, a camiseta e a regata que não precisa ser necessariamente de couro fake. Uma dica que dou sempre é: não exagere ! não abuse do bom gosto, pois você pode acabar brega. Por isso indico que usem peças lisas e com cores neutras, como branco, branco, cinza ou até um listrado.

Essa tendência é antiga, vem lá dos anos 90 e ressurgiu nas passarelas da última temporada. Marcas super famosas como Chanel, Kenzo, Céline, Dior e Valentino, desfilaram esses modelitos, mas como a moda de rua é diferente, decidimos usar a tendência de uma forma mais básica, colocando uma camisa ou camiseta lisa por baixo de uma blusa de alça fina ou de um vestido de alcinha tipo camisola.

O jeito mais difícil de errar e fácil de ficar legal, é usando a combinação P&B, mas se você gosta de ousar, poderá usar total white, por exemplo. É importante dizer que com esse tipo de sobreposição todo cuidado é pouco, mas não custa tentar. Você poderá combinar o look com acessórios pratas, saias, shorts e calças jeans, ou seja, peças mais básicas. Nos pés um tênis branco, sandália preta, branca ou de outra cor, sapatilhas, botinhas, pode sobrepor jaquetas e uma bolsa legal. O legal é ir testando o que tem na frente do espelho.
No meu look usei a blusa com uma calça jeans de joelho rasgado e nos pés uma botinha de cano curto. Abaixo irei colocar de onde são as peças:
* Blusa branca- C&A
* Camiseta preta – Riachuelo (comprei ela por R$ 19,90 na promoção e ela vinha com uma blusa listrada por baixo.)
* Calça – Primark (eu mesma cortei a parte dos joelhos)
* Botinha – Lefties Barcelona, mas você encontra em várias lojas de departamento aqui do Brasil.

É isso meninas, espero que tenham gostado do post e das dicas. Aproveitem e visitem meu instagram para ver mais fotos de looks: https://www.instagram.com/leonorcorreablog/

Deixem um comentário falando o que acharam do look ou tirando alguma dúvida.

Beijos, Beijos.

Olá meninas lindas, tudo bem? Nesse post irei falar tudo sobre o curso de costura que faço no Senai.

Hoje vim falar de outra coisa que vocês me perguntam muito nas redes sociais, que é o curso de costura que faço no senai. Assim como o de modelagem, tive que fazer uma prova e passei hehehehehe.

O curso de costura industrial é bem simples, aprendi muito rápido, mas no início tive dificuldades em controlar as máquinas. Lá no Senai tem máquinas industriais de todos os tipos, para qualquer coisa. É o tipo de curso que te exige muito, você precisa ter bastante coordenação motora para costurar reto e controlar as máquinas que são rápidas, mas com o tempo você vai adquirindo paciência e delicadeza. Depois de muito desmanchar, você aprende a fazer certo, afinal tem que ficar uma costura perfeita.

Fiz o curso para aprender a costurar, pois quero ter minha própria marca de roupas e isso exige que eu entenda de todos os processos. Jamais pensei que fosse gostar de costurar, no início eu não tinha paciência mesmo, mas depois me apaixonei. Como todos dizem lá no curso: é uma terapia, é algo muito gostoso de fazer.

Lá você aprende apenas a costurar, não aprendemos a cortar os tecidos, mas isso eu sei porque eu fiz o curso de modelagem. Fazemos vários exercícios de treino antes, para depois começarmos a costurar roupas. Já costuramos calças, camisetas, jaquetas, etc. É bem fácil, o difícil é saber a ordem de montagem, pois cada peça depois de cortada vira um quebra-cabeça a ser montado. Existem várias técnicas, algumas peças são costuradas de uma forma, outras de outra forma. Malhas são costuradas na overlock e galoneira, tecidos planos são costurados na reta e na overlock para acabamento. O difícil é entender bem o encaixe de cada pecinha para a montagem de uma roupa.

A máquina que uso lá é uma Brother eletrônica industrial (ai gente é a melhor máquina do mundo viu), é uma máquina de última geração, com corte automático de linha e dá retrocesso sozinha. É super macia e fácil de costurar, costumo até dizer que qualquer um sabe costurar naquela máquina. Queria uma dessa, mas o problema é o preço, apenas R$ 7.000,00 a mais simples, sem o painel digital (senhor amado). As outras máquinas de lá variam de marcas, tem da siruba, singer, brother, etc. Como disse, tem máquina para qualquer coisa, o que facilita muito a vida.

O curso tem duração de 6 meses, as aulas são de segunda à sexta, de 13:30h às 16:30h. Esse que eu estou fazendo acaba em dezembro, porém eu não sei se ano que vem irão abrir novas turmas. Para quem for de Uberaba, é só dar o nome no senai que eles te ligam para passar informações sobre quando abrirão novas turmas.

Costumo dizer que sou apaixonada pelo senai e sou muito grata, pois foi o único lugar de Uberaba que me abriu as portas com cursos ótimos. Hoje em dia sei fazer praticamente tudo o que um estilista faz e aprende em um curso de moda, pois além dos cursos de modelagem e costura, todos os anos temos um mini curso de moda de uma semana lá, que é o INOVA MODA. Pude em minha cidade redescobrir o que eu amo e aprender ainda mais, tendo a certeza que meu futuro será promissor. Jamais imaginei aprender sobre moda em Uberaba, visto que é uma cidade pequena que não tem muito campo para isso, mas o senai vem revolucionando a industria da moda em todos o país, por isso sou tão grata.

É isso meninas, espero que tenham gostado. Se tiverem dúvidas me escrevam nos comentários que eu responto

Beijos, Beijos

 

Olá meninas, tudo bem? Hoje vim falar um pouco sobre o curso de modelagem que fiz no senai no início do ano de 2017.

Me formei em modelagem industrial pelo Senai de Uberaba com a professora mais linda do mundo Sônia Alexandre. Foi um curso em que me descobri e ví que eu estava no caminho certo. O curso foi gratuito e teve duração de 6 meses, com aulas todos os dias da semana na parte da tarde. É um curso que não é fácil, mas depois que se pega o jeito fica mais simples.

O curso de modelagem é basicamente um curso onde aprendemos a fazer moldes de roupas. Nós ganhamos uma apostila de passo-a-passo que nos direciona nas aulas e serve para a vida toda. Lá nós aprendemos a modelagem plana, mas existem outros tipos. A plana é feita no papel se utilizando de réguas, lápis, borracha e matemática. Sim, utilizamos muito a matemática para fazer contas de medidas. É um curso que exige que você tenha um bom raciocínio lógico, uma ótima coordenação motora, muita atenção e que você seja uma pessoa caprichosa, afinal, cada erro de milímetros influi diretamente na roupa pronta.

Nas aulas nós aprendemos a fazer moldes do vestuário feminino, masculino e infantil, modelando todo tipo de roupa, desde as mais básicas, até as mais complicadas. No final do curso, aprendemos a interpretar modelos, onde a professora nos dá uma foto de revista ou internet e temos que fazer o molde a partir da foto.

A modelagem é um dos pontos mais importantes da produção de roupas, pois pegamos o desenho do estilista, vemos se ele é viável de acordo com a ergonomia e o transformamos em um molde perfeitamente adequado ao corpo humano, sendo o próximo passo a costura. Sem o modelista o estilista nada mais faz do que um desenho sem utilidade. Podemos também nos utilizar de fotos, internet, revistas, modelos prontos, etc.

Hoje posso dizer que sei fazer qualquer roupa, afinal sei modelar qualquer roupa e sei costurar também. O curso é ótimo e eu super indico para quem gosta de moda, do processo de criação e desenvolvimento. Eu adoro trabalhos manuais, adoro criar e fazer, então sei que estou no caminho certo. Futuramente quero criar e desenvolver minhas própria marca de roupas e colocá-las a venda aqui no site, mas para isso preciso de dinheiro para investir em máquinas, materiais e tecidos.

Na foto abaixo temos dois modelos prontos de roupas que fizemos no curso de moulage com fita do INOVA MODA do senai. O inova é um mini curso de moda que tem no senai duas vezes por ano para apresentar as próximas tendências e ensinar diversas coisas sobre moda. Na segunda foto dá para ver o manequim com fita e um desenho à lápis por cima. Depois disso tiramos o molde mo manequim, recortamos e passamos para o papel, logo após transferimos para o tecido, recortamos e costuramos.

No decorrer do tempo, quero postar vídeos ensinando a modelagem para vocês, pois mesmo se vocês não souberem costurar ou não tiverem máquina de costura como eu, é só levar o molde em uma costureira juntamente com o tecido e ela irá fazer o restante do processo.

Aqui em Uberaba o curso acontece de tempos em tempos, mas esse ano já tiveram duas turmas e eu não sei quando irão abrir mais. Para mais informações é só ligar no senai, as atendentes são umas fofas.

É isso meninas, espero que tenham gostado e entendido o post. Espero deixar vocês inspiradas à fazerem o curso também.

Beijos, Beijos.

Olá meninas, tudo bem? Hoje vim falar de algo muito novo e que precisamos nos acostumar, que é sobre o cenário atual da moda no mundo.

O mundo está vivendo uma nova era, o Brasil está em crise e precisamos nos acostumar com uma forma mais simples de viver. Tudo está evoluindo, mudando para melhor. Hoje pensamos e agimos de forma diferente, mais correta que antes, afinal estamos em constante evolução. Com isso a forma de consumir também mudou, pois pensamos duas ou três vezes antes de comprar algo, primeiro porque estamos sem dinheiro e segundo porque estamos mais conscientes de que o consumo desenfreado é um vício que não devemos mais alimentar.

As lojas hoje devem se preocupar em serem mais básicas, atemporais e versáteis, afinal não existe mais esse negócio de lançar coleção de inverno, verão, primavera, etc, hoje em dia apenas se lançam coleções. O consumidor está a cada dia mais seleto e se preocupa em saber de onde vem às suas roupas. Hoje existe um movimento maravilhoso chamado FASHION REVOLUTION, onde o mundo se reúne contra o trabalho escravo e em situações degradantes nas grandes fábricas de roupas. Nesse movimento, produtores da indústria da moda mostram QUEM FAZ AS NOSSAS ROUPAS, postando uma foto no instagram com a mensagem : eu fiz suas roupas. E é maravilhoso saber de onde vem as nossas roupas, nossos acessórios, sapatos, etc, é incrível poder saber que quem faz vive bem, utiliza material bom, trabalha em um lugar bom e tem um salário justo.

Não só quanto à isso, hoje nos preocupamos mais com a sustentabilidade. Antes quem tinha um guarda-roupa imenso, hoje não tem mais e se preocupa em dar a mesma peça várias formas de uso criativo. Os acessórios entram nessa nova era como uma forma de incrementar a moda, já que estamos reusando a mesma peça várias vezes, porém de maneiras diferentes. A forma artesanal de produzir, o pequeno produtor, o artista, eles estão voltando com tudo e serão os artesãos da moda na nova era.

As grandes Fast fashions dão lugar às pequenas empresas que trabalham com o slow fashion. Hoje em dia, estamos buscando formas de poder fazer nosso sustento de nosso hobby, nossa paixão, afinal, não é mais pelo dinheiro e sim pela felicidade. Estamos na era do ser e saímos da era do ter, e eu sei que é difícil se acostumar, mas estamos nesse mundo pra isso, para nos conhecermos, ajudarmos os outros e evoluirmos.

Venho escutando muito sobre esse assunto em palestras, cursos sobre moda, internet, estudos, livros, etc. Não só escuto, como sinto e vejo que realmente tudo mudou. A moda hoje é usada como forma de expressão e arte, não mais como forma de mostrar poder e dinheiro. Estamos na era do reaproveitamento e do DIY (do it yourself: faça você mesmo), estamos mais pensativos sobre nós mesmos e com menos tempo para futilidades. A moda hoje está voltada para o minimalismo, para o simples, básico e atemporal.

Fui à uma palestra da Cris Guerra do Hoje Vou Assim e ela fala exatamente tudo isso que escrevi para vocês acima. Penso e escuto isso há muito tempo e quis escrever sobre a nova era aqui para vocês. Na palestra ela fala sobre as palavras que devemos vestir hoje em dia, como: EMPODERAMENTO, CONSUMO CONSCIENTE, SLOW LIFE, SLOW FASHION, SOCIALISMO TECNOLÓGICO (ter menos coisas, mas ter acesso à mais coisas), DETOX DIGITAL (desligar um pouco o celular e viver de fato as experiências), MODA SEM GÊNERO, QUEM FAZ AS MINHAS ROUPAS. Além disso ela comenta sobre valores que demos investir: SUSTENTABILIDADE, CONSCIÊNCIA SOCIAL E CULTURAL, VIVER COM MENOS, PENSAR NO IMPACTO SOCIAL E AMBIENTAL DE NOSSAS AÇÕES.

Hoje em dia compramos a moda como uma forma de nos expressarmos, de sermos nós mesmos, de sermos diferentes e autênticos. Cada um compra aquilo que se parece consigo, com sua personalidade, com o que seu corpo mostra. Hoje em dia buscamos coisas que façam sentido para nós e nos traga felicidade, não é mais só pelo dinheiro, queremos nos conhecer e passar nossa vida fazendo algo que nos faça bem.

Hoje o que vendo Não é apenas uma biju que você vai no chinês, compra por 5 reais, usa apenas uma vez porque ela logo sai a cor. São peças criadas e confeccionadas por mim com todo cuidado. São peças duráveis, você poderá usar muitooo e ela continuará nova. São peças que são diferentes das demais, pois eu estou cansada de ver as mesmas coisas em todas as lojas. Gosto de estar diferente, de me destacar perante a multidão, não só pelo o que eu uso, mas principalmente pelo o que eu sou. Os preços que cobro são justos, afinal não quero que só pessoas que tem muito dinheiro possam comprar, quero que TODOS possam comprar algo legal por um preço legal. Já estive na posição de querer muito algo, mas não poder comprar porque o preço era alto, então me coloco no lugar do outro. Não quero enfiar em vocês tendências não duráveis, existem as macro tendências, que são aquelas que ficam no mundo da moda por muitooooo tempo, meu foco está ai. Quero que quando usarem minhas peças, lembrem de quem fez elas com todo carinho e amor do mundo. Quero com tudo isso, inspirar vocês a seguirem seus sonhos, pois por mais que o primeiro passo pareça bobo, é apenas o primeiro passo para uma grande ascensão.

É isso meninas, espero que tenham gostado dessa mensagem. Reflitam sobre ela e observem na prática tudo acontecendo.

Beijos, Beijos.

Olá meninas, tudo bem?

A pergunta acima é uma questão que todos querem saber ahahahaha. Mas a verdade é que nunca deixei de ser, sempre fui presente nas redes influenciando vocês de alguma forma. Hoje com a modernidade e rapidez de informação os blogs foram ficando de lado para darem lugar às redes sociais. Porém senti a necessidade de voltar a escrever em um site e compartilhar minha vida e informações úteis, completas e interessantes com vocês. As redes sociais nos proporcionam informações curtas e rápidas, mas eu cansei disso, pois gosto de ler, aprender, entender e me aprofundar. Amo postar fotos nas redes e conversar nos stories da vida, mas senti a necessidade de falar de moda de forma mais COMPLETA E APROFUNDADA, e tal feito só consigo com o blog.

O blog Como ser diva não vai mais existir?

O último post do blog foi em abril de 2017, não postei mais por falta de tempo e porque eu precisava desse tempo pra mim sentir o que é viver outras coisas. Decidi integrar o blog à loja como um teste inicial, mas jamais deixarei de ser blogueira. Se não der certo o blog aqui, eu volto para uma plataforma fora da plataforma da loja. Só que a ideia de incluir o blog na loja me parece perfeita, afinal, estarei oferecendo muito mais que produtos para vocês, estarei oferecendo informações valiosas. Enquanto vocês compram, poderão ler, aprender algo e se atualizarem sobre assuntos novos. Nesse tempo sem postar no blog e sem estar tão ativa nas redes, passei por alguns problemas que me fizeram desanimar de tudo, mas pude refletir no que eu queria para a minha vida. Me dediquei à estudos, caridade, yoga, meditação, pilates, e coisas que me fizessem evoluir como espírito (aliás quero poder falar e ajudar vocês com isso). Só que ví que faltava algo e eu pensei muito em como incluir o blog de novo em minha vida, com o meu trabalho e com minha nova forma de pensar e agir. Sou uma nova Leonor, mais evoluída, com mais para ensinar, dar e receber. Foi preciso esse tempo para eu ver que amo ser blogueira, amo moda, e não quero jamais tirar isso de mim.

Ah, fiz cursos de modelagem e costura, então poderei ensinar processos de produção de roupas para vocês. Enfim, estou aqui para o que der e vier, de coração renovado e aberto. O canal no youtube irá voltar também com muitos vídeos legais. As redes sociais sempre estarão cheias de coisas interessantes ( @shopleonorcorrea e @leonorcorreablog ) e estarei sempre conversando com vocês no stories. Quero cada dia mais ser amiga de vocês e espero muito muito muito que gostem dos conteúdos que irei postar.

O blog aqui na loja é só uma forma de integrar duas coisas em uma página só, o que vai facilitar e muito a vida de vocês. Estarei sempre divulgando os links de novas postagens nas redes sociais, então fiquem tranquilas, vocês não irão perder nada.

Aqui irei divulgar lojas normalmente, postar sobre moda, look do dia, decoração, assuntos sobre minha vida, evolução, etc. Será o mesmo blog de antes, só que melhor, com mais conteúdo e mais interessante, afinal vocês poderão comprar as peças da loja e ler o blog em um lugar só.

É isso meninas, estejam comigo nessa nova fase, tenho certeza que tenho muito à oferecer para vocês.

Beijos, Beijos.